oncontextmenu='return false' onselectstart='return false'>expr:class='"loading" + data:blog.mobileClass'>

31 outubro 2014

6

Sobre o maior amor do mundo




O alicerce da vida começa com o amor de mãe, que constrói, edifica e renova nossa esperança no amanhã.


Existem diversas formas de amor: há o amor entre duas pessoas, entre amigos, irmãos, pais e filhos. E é exatamente sobre este último que iremos falar, mais especificamente sobre o amor de mãe. 

Mas, o que é ser mãe? 

Ser mãe é a tarefa mais séria que Deus colocou no livro da vida. 
Ser mãe não é como casamento, afinal não há divórcio entre mãe e filho, é um pacto eterno entre dois seres. 
É um amor maior, não explicável pelos poetas, não conheço nenhuma poesia ou texto que descreva o milagre de ser mãe.
É carregar o filho no ventre por nove meses, é senti-lo, espera-lo. Gerar um ser, um serzinho que vai ter características tuas, que vai ser teu, que vai vir de dentro de ti.
É tua a responsabilidade de fazer com que ele se sinta amado, é tua a responsabilidade encaminhar ele nesse mundo que agora parece mais cruel que nunca.
Ser mãe é ser anjo da guarda, protetora, melhor amiga, confidente. 
Ser mãe é ser carinho constante, olhar que aprova, é ser respeito, é ser responsável por uma vidinha que por longos anos vai depender de ti pra tudo, e mais tarde vai aprender a voar.
Ser mãe faz você esquecer a maldade, faz você renovar as esperanças, faz você dar o melhor em tudo, afinal agora é você quem tem que cuidar de alguém.
Ser mãe faz você esquecer de si, e pensar só no filho.
Ser mãe é ser leoa.
Ser mãe é ser fada encantada que agora vai contar mil história e cantar mil músicas infantis.
Ser mãe é ser educadora, é dispensar o fútil e pensar somente no futuro.
Ser mãe é um presente de Deus.

Se fizéssemos essa pergunta ao nosso grupo de amigos, sem dúvida, diferentes respostas surgiriam prontamente, e com certeza, todas envolveriam a palavra amor. 

Muito mais complexa do que se mostra essa questão, não é possível achar uma única definição para essas mulheres que são capazes de dar a vida por seus filhos. Ser mãe vai além, muito além. 

Ao nascer uma criança, nasce também uma mãe, um ser único e totalmente novo. Junto com ele, algumas dúvidas, medos, inseguranças, vontade de sempre proteger sua "cria", mas acima de tudo, com este mix de sentimentos, nasce também o incontestável amor de mãe. 

Um amor inexplicável que faz com que muitas mulheres se dividam entre cuidar dos filhos e a carreira, recorram à adoção para realizar o sonho de ser mãe e vivenciar este sentimento tão belo. Um amor que traz a angústia quando os filhos demoram a ligar durante uma viagem e faz com que noites em claro se tornem dias ensolarados. 

E o que une diferentes modos de vida e perfis? Sem dúvida, o amor e o instinto materno que ultrapassam qualquer barreira. 



Grande Beijo, meu e das pequenas.


6 comentários :

  1. Mãe é uma dádiva de Deus! Quem tem não quer ficar longe e quer que viva para sempre! É um amor incondicional! Bjokas flor! Um ótimo final de semana!

    ResponderExcluir
  2. Mãe é tudo, um amor incomparável, é como o amor de Deus por nós.

    ResponderExcluir
  3. Eu não sou mãe ainda mas quando essa hs chegar quero aproveitar cada momento!

    ResponderExcluir
  4. Mãe é a pessoa que mais te quer bem,é um amor verdadeiro e sem limites.Uma pessoa que você pode confiar sempre,contar suas alegrias ,suas tristezas,seus sonhos,sem medo,pois é a pessoa mais sincera e verdadeira.

    ResponderExcluir

Deixe seu comentário, porque eu adoro! :)

Grande Beijo, meu e das pequenas.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Layout: Prioridade de Mãe/ Designer: Acessórios e Personalizações de Blogs Tecnologia do Blogger | Todos os direitos reservados ©2013